Filme: Up – altas aventuras, e suas lições pra vida

No domingo passado eu vi esse filme e pode parecer clichê, mas pensei nele a semana toda. Resolvi então que ele poderia me render um bom post, e em um mini-brainstorming por telefone com minha prima, estruturei minhas ideias, e eis me aqui escrevendo. Segundo ela eu “viajei” bastante, vamos ver no que deu então? E Poly, esse post é pra você 🙂

5 lições de vida para se aprender com o filme Up – Altas Aventuras

capa

O filme UP, apesar de ser uma animação, ou seja, dedicado as crianças, pra mim é um dos filmes mais adultos que já assisti. Eu sei que toda animação tem uma moral por trás da história, e que geralmente adultos gostam tanto quanto as crianças, mas sério, esse filme pra mim foi diferente. Eu tenho a impressão que as crianças nem conseguem entender tudo ali, pois as lições ali tem muito a ver com o tempo perdido, e por uma questão óbvia, elas ainda não sabem o que é isso. #prepare-separachorar #choreimuito

Para quem não viu o filme ainda, sugiro que veja pelo menos o trailer pra entender melhor o post. A história é basicamente um casal, que eram amigos de infância e tinham um sonho em comum, casaram, planejaram esse sonho, mas não realizaram, e ela faleceu já idosa. E com a aparecimento de um menino/escoteiro na vida dele, o faz voltar a tentar o sonho…

Lição nº 1 – Planeje seus sonhos, e tente não se perder no meio do caminho

19976596

O filme mostra que o casal, Ellie e Carl resolve juntar dinheiro para fazer a viagem para o local que eles sonhavam desde pequenos, porém, no meio do caminho, vários imprevistos acontecem, e eles sempre tem que desviar o dinheiro para os imprevistos. E a rotina vai tomando conta, as prioridades vão mudando, e de repente, eles estão idosos, ela adoece e falece. Parece trágico, mas é o que mais acontece. Infelizmente planejar um sonho e tentar realizar não é tão simples assim. Só força de vontade não basta. Quando a gente vê, o tempo passou e não consegue entender o que aconteceu. #quemnunca

Lição nº 2 – Mas, aceite que um dia as coisas mudam e talvez seus sonhos mudarão (e você gostará deles também)

up-altas-aventuras-582-011(2)

No filme, depois que a Ellie falece, Carl vira um velho rabugento que não quer saber de mais nada. Até que o escoteiro Russel aparece em sua vida e muda tudo. Ele acaba acompanhando Carl em sua nova aventura, e o faz perceber que a vida ainda faz sentido, e que pode voltar a amar novamente, seja um pet ou até mesmo como o pai que ele não foi (no filme eles perdem o bebê). E no meio dessa aventura, o sonho dele muda, ele deixa de desejar chegar naquele lugar, e resolve salvar o pássaro raro.

Mas o mais curioso é ver a resistência, da vontade que ele tinha de não amar as novas opções, até que ele cede, e vê que também é bom. E na vida ás vezes a gente se acha obrigado a viver sempre aquele sonho, mas não, as vezes a gente pode mudar, e o novo vai ser tão amado quanto. O que achei mais legal foram as cenas que mostram o orgulho se desfazendo. É muito difícil larga o orgulho né gente?! #vamossersinceros

Lição nº 3 -Os heróis do passado podem virar vilões no futuro

charles

O sonho de infância do casal era ir até onde um explorador famoso tinha ido pra pesquisar novas espécies de animais na América do Sul. Porém, no decorrer da aventura, ele encontra com o ídolo e descobre que na verdade ele é praticamente um assassino de espécies raras e mais, está a procura do pássaro raro que estava aos poucos conquistando o coração dele. E ai que a coisa acontece, ele percebe que o que era um herói pra ele, virou um inimigo, e ele tem que proteger o pássaro.

Acredito que isso acontece muito em nossa vida, muitas pessoas que nos inspiram, ás vezes podem nos decepcionar. Ou até mesmo mudarem suas ideologias (afinal eles também tem direito de mudar) e não ser mais aquilo que queremos seguir. Eu acho difícil de aceitar isso as vezes, e você?! É quase como sonhos de crianças desfeitos, tipo papai noel não existe? #tristemaséverdade

Lição nº 4 – Desfaça do peso do que não serve mais

272013_Papel-de-Parede-Up-Altas-aventuras--272013_1680x1050

Essa foi a mais top de todas que achei, e quando falei pra Poly, ela achou um pouco “exagero” kkkkk. Vamos à explicação então. Em uma determinada cena, ele resolve voltar e acompanhar o menino e tentar salvar o pássaro raro, e pra isso, ele precisa voltar voando pra chegar mais rápido, porém, a casa está pesada, e ele precisa torná-la mais leve pra voar. Gente, a cena é perfeita! Quando ele olha todos aqueles móveis, entulhados, há anos do mesmo jeito, que ele mantém ali apenas por segurança e por simbolizar todo o sonho antigo dele. Ele vê que nada ali faz sentido mais.

Acho que na vida da gente temos que fazer isso com mais frequência. A gente carrega e junta muita tralha, literalmente, desnecessária. As vezes porque ganhou, outras porque pagou caro. Mas tem hora que aquilo não te representa mais, e você precisa desapegar. Sem contar os sentimentos. Quantos sentimentos ruins estamos carregando, mágoas, perdões não dados que só nos tornam pessoas menos feliz. Desentulhe, e sua casa e sua vida ficará mais leve. #podeacreditar

Lição nº 5 – A vida é uma aventura, mesmo que nada saia como o planejado, viva intensamente e aproveite cada momento

filmes_378_Up 13

Essa deve ser a principalmente mensagem do filme, que o Carl só aprende no final de uma forma muito fofa e romântica. Quando eram solteiros, eles tinham o um livro de scrapbook com os recortes e detalhes que representavam o sonho deles, e tinha uma página com uma mensagem para a aventura continuar. E depois que ela faleceu ele sempre folheava, até aquela página. Até que no fim, ele resolve ver as páginas, que até então ele achou que estivesse em branco, e teve uma surpresa. Ela foi foi preenchendo ali com momentos felizes que eles viveram junto. Emocionante a cena. 

Essa cena nos mostra que apesar de sonharmos uma coisa, talvez mudar e até nos decepcionarmos na vida, temos que viver intensamente cada dia, pois a vida será sempre uma aventura. É super clichê dizer isso, mas não vou cansar de dizer e principalmente tentar fazer isso. Hoje todo mundo fala que está sem tempo, passa a semana toda desejando o sábado e domingo e depois fala que o tempo está passando muito rápido. Poxa, porque você não pode ser feliz na segunda feira? Quarta à tarde talvez?! #vamosrefletir

Resumindo: Viva de forma que, mesmo se tudo der errado, você possa dizer, fod@#$% eu vivi! 

:::::::::::::::

Gente, mil desculpas pelo tamanho do post, eu sabia que ia ficar enorme, mas não teve como resumir mais. Espero que tenham gostado.

Comentários?!?

Abraços, Anap.

Comments

comments

Ana Paula Cândido

Prazer, meu nome é Ana Paula! Obrigada pela visita em meu blog :) Dúvidas, críticas ou sugestões? Fique à vontade para comentar. Ficarei feliz com sua contribuição e prometo que respondo rápido, ok?!