Custa ter boa vontade!?

Eu acho que não. Mas parece que tem muita gente que pensa que sim.  Já faz um tempinho que estou querendo falar sobre isso aqui no blog, mas até então não tinha achado nenhum assunto que eu pudesse encaixá-lo. Até que pensei, porque não fazer um post então só pra falar disso?! A incrível contradição de boa vontade e a má vontade.

Sinceramente, essa situação está tão presente no meu dia a dia, que não consigo entender porque ainda existe má vontade nesse mundo. O que eu mais vejo são pessoas (de todas as cores, idades e classes sociais) reclamando de má vontade alheia, de chegar em um lugar e achar que a secretária atendeu mal, que o porteiro é mal educado, que a gerente está se achando pelo cargo que tem e tratando o subordinado mal.

Em contrapartida, vejo também pessoas com problemas no dia, limitações, e nem sempre podendo fazer tão bem feito quanto gostaria, e reclamar que o outro não está sendo compreensivo. Mas ai eu te pergunto – sinceramente –  quando você está do lado de lá, você tem CERTEZA que está sendo tão compreensivo quanto ACHA que deveriam estar sendo com você?! Eu to pra te dizer que não.

No final das contas, eu acho que está faltando COMPREENSÃO no mundo. Nós estamos sempre achando que o outro que é errado, que o outro não vê a sua situação. Mas e eu?! Será que quando alguém buzina pra mim no trânsito eu acho ruim e até xingo, ou penso que talvez ele pode estar carregando alguém sentindo dor ao caminho do hospital?! Quando alguém me trata de forma séria em um atendimento, eu acho que ela é uma má profissional, ou tento entender que talvez ela possa estar luto há menos de uma semana e trabalhar é o máximo que consegue fazer para superar a perda!?

Sem contar naqueles que ainda dão “bafão“, brigam, mau-tratam e isso usa o argumento que está falando a verdade, exigindo seus direitos e colocando a pessoa “em seu devido lugar“. Ok, até entendo que há casos que precisam de algum tipo de “corretivo” mesmo, mas se for feito com ignorância, pra mim já perdeu a razão. Você não precisa gritar e maltratar pra provar que está certo. Menos, por favor, menos. Exija sim, mas com respeito.

Gostaria de propor uma reflexão, pois acredito que, se cada um colaborar um pouco, vamos ter menos vá vontade no mundo, e mais compreensão. Todos temos problemas, bons e maus momentos. Temos que lembrar que somos humanos, fracos e vulneráveis. Um dia você ajuda, e um dia é ajudado. Porque não fazer sempre da melhor forma possível, independente de que lado você está?!
a558b48fcb9aa473975b456aaed8ed17_XL

Um abraço,

Anap.

p.s.1 – desculpem por tantas perguntas no post, mas não via outra forma de escrever o que estava sentindo…

p.s.2 – demorei mais tempo procurado uma imagem para ilustrar do que para escrever. No final das contas escolhi a formiga, pois a ela é o símbolo de trabalho árduo, colaboração e de que a união faz a força. #vamosrefletir #depoisvamosagir

Comments

comments

Ana Paula Cândido

Prazer, meu nome é Ana Paula! Obrigada pela visita em meu blog :) Dúvidas, críticas ou sugestões? Fique à vontade para comentar. Ficarei feliz com sua contribuição e prometo que respondo rápido, ok?!