Coragem é ir com medo

Fim de ano chega e a gente sempre se pega fazendo uma reflexão do ano que está encerrando e fica tentando descobrir onde estava enquanto os 365 dias se passavam. Credo gente! Foram tantas mudanças e ideias. É uma mistura de planos não concluídos e projetos não planejados mas que foram realizados que deixam minha cabeça doida. Afinal, perdi tempo? Foi produtivo? O que eu vivi valeu a pena? E ano que vem, o que fazer? São muitas perguntas e poucas respostas. Pra falar verdade acho que o que eu mais aprendi esse ano foi independente do plano: Coragem é ir com medo mesmo.

Eu já conhecia essa frase da Rafa Cappai (se você não a conhece já falei do livro dela aqui) mas somente agora ela fez todo o sentindo pra mim. Eu sempre muito organizada que sou, planejo muito e sinceramente executo pouco (em vista da grandiosidade que imagino em minha mente). Não sei não, mas acho que já descobri o motivo. O tal do medo. Ou melhor, a covardia. Acontece assim: o medo chega, mostra um monte de outras possibilidades e pronto, o bloqueio aconteceu. Mas não tem que ser assim. Até porque o medo não é algo necessariamente negativo, pois ele muitas vezes nos protege da irresponsabilidade e dos perigos de uma forma em geral. O problema então está na falta de coragem. Pois é ela que nos move mesmo com todos os medos à nossa volta (ou na nossa mente!).

Não sei se você já viu o filme ‘Um mente brilhante’, mas o que estou sentindo é parecido com uma das últimas cenas do filme. Alguém pergunta ao personagem principal se ‘as pessoas que ele via’ desapareceram. E ele fala algo que do tipo: não, mas que percebeu que eles nunca envelheciam, então ficou mais fácil pra ele entender são apenas coisas da mente dele e que ele poderia conviver com eles assim mesmo. Ou seja, nossos medos nunca envelhecem, eles vão mudar com o tempo, mas não vão desaparecer, só temos que aprender a conviver com eles.

Esse ano eu pratiquei um ‘ato’ radical que provavelmente foi o mais arriscado até hoje nos meus 30 anos: saltei de parapente! No dia do meu aniversário! Várias pessoas me perguntaram como eu tive coragem, falaram que tem vontade, mas o medo não deixa. Eu sinceramente até agora não sei de onde eu tirei tamanha coragem. Eu vi que seria algo interessante e marquei. Pronto! Levantei na hora marcada, e fui. Simples assim.

Inclusive é com o vídeo desse salto é que dou um novo passo rumo a ‘coragem é ir com medo’. Estou lançando oficialmente hoje, dia 31 de dezembro de 2016, o canal do blog. No mesmo dia que há 3 anos eu tomei coragem pra criar o blog! Clique na imagem abaixo para acessar.

Costumava dizer que tenho vergonha de me ver em filmagens. Mas várias pessoas me pedem pra eu fazer um canal no YouTube e pra falar a verdade eu sempre tive muita vontade. Mas o medo não me deixava. Medo de não ter tempo, de ficar feio, de ser idiota, de não saber editar, enfim… medo é que não faltava na lista. Mas eu percebi que medo não se cura, convive com ele e pronto. Se você me perguntar agora se eu perdi o medo, vou te responder sinceramente que NÃO. Mas entendi que ele vai comigo mesmo assim… só não vou mais deixar de ir!

Espero que tenham gostado do post e te aguardo por aqui por todo ano de 2017.

Aqui e lá também no YouTube também ok?

Um abraço,

AnaP.*

.

.

.

.

.

Posts relacionados

Se você gostou desse post, você também pode gostar:

Criativo e Empreendedor Sim Senhor

Manual do Líder Criativo

Meu Aniversário de ‘3 anos’

PS: se você quiser saber mais da Rafa Cappai, acesse : https://www.espaconave.com.br/

Comments

comments

Ana Paula Cândido

Prazer, meu nome é Ana Paula! Obrigada pela visita em meu blog :) Dúvidas, críticas ou sugestões? Fique à vontade para comentar. Ficarei feliz com sua contribuição e prometo que respondo rápido, ok?!